jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

ENTREVISTA DA SEMANA

Prefeito Flá: “até agora já conseguimos recuperar 35% de nossas ruas”
08 de janeiro de 2018
Flá: vamos continuar firmes no propósito de equilibrar as finanças municipais
As ruas e avenidas de Jales, calcanhar de Aquiles das últimas administrações, foram parcialmente recuperadas, afirmou o prefeito Flávio Prandi Franco, o Flã (DEM), algo em torno de 35%. Mas, a luta vai continuar em 2018, 2019 e 2020, até que tudo esteja um verdadeiro tapete.
Eis a íntegra da entrevista que ele concedeu ao Jornal de Jales. 

J. .J. - Em junho do ano passado o senhor afirmou em entrevista que o grande desafio era enfrentar o segundo semestre. Deu para vencer tal desafio?
Prefeito - Sim, realmente foi um grande desafio, em um ano de crise econômica e política nacional, enfrentamos muitas dificuldades, mas com muito esforço, conseguimos implantar um ritmo novo e uma gestão eficiente. E os primeiros resultados começaram a aparecer. Com isso, fechamos 2017 melhor do que 2016. 

J. .J. - De que forma a Prefeitura terminou 2017?
Prefeito - Podemos fazer uma avaliação positiva do encerramento de 2017, pois ao longo do ano, com a revisão dos contratos, melhora das receitas, pudemos diminuir o nosso déficit financeiro, diminuir a porcentagem da dívida total do município e conseguimos cumprir todas as obrigações tributárias, com o nosso Instituto de Previdência, feito inédito nas últimas cinco administrações. Fechamos o ano, com todas nossas obrigações trabalhistas em dia, tais como salários dos servidores e décimo-terceiro, coisa que muitos Estados e municípios do país não conseguiram.

J. .J. - Como sua administração planeja encarar 2018, que terá Copa no Mundo no meio de ano e eleições no fim?
Prefeito - A preocupação inicial será sempre financeira. Vamos continuar firmes no propósito de cada vez mais equilibrar as nossas finanças. Em relação aos eventos Copa e Eleições, pela experiência de anos como este, já vínhamos trabalhando e sabemos que temos que concentrar nossos esforços neste primeiro semestre, porque as conquistas virão nesse início, já que depois disso não haverá mais assinaturas de convênios. Mas o nosso trabalho não para, pois estaremos envolvidos em um processo eleitoral que escolherá nossos próximos governantes.

J. .J. - Com a atualização da Planta Genérica de Valores, a administração municipal terá mais capacidade de investimento este ano?
Prefeito - Primeiramente, é bom lembrar que essa revisão do Valor Venal dos Imóveis proporcionou uma valorização no setor imobiliário da cidade, que, ao longo dos anos, trará investimentos significativos e, com certeza, serão revertidos para os munícipes. Já o georreferenciamento, promoveu equidade e justiça para todos. Para 2018 e para a administração municipal, podemos dizer que essa ação vai nos permitir uma reorganização tributária importante para a nossa cidade. 

J. .J. - O senhor assumiu a administração municipal com a cidade esburacada. Em termos percentuais, o que foi possível fazer até agora e o que dará para fazer em 2018?
Prefeito - Realmente, quando assumimos, a nossa maior preocupação era com o recapeamento asfáltico.  E conseguimos avançar muito nesse item. Já foram investidos, aproximadamente, R$ 5 milhões e atingindo um total de 35% da nossa necessidade. Em 2018, a expectativa é fazer a mesma quantidade, já que vários convênios foram assinados e as licitações já estão sendo programadas. Lembrando que o recapeamento é uma prioridade para todos os anos.

J. .J. - A geração de empregos tem sido a preocupação número 1 dos gestores que o antederam. Como o senhor lidou com essa demanda?
Prefeito - Durante a nossa administração, todas as ações foram realizadas pensando em melhorar a infraestrutura, proporcionando condições para que as empresas se instalem em nossa cidade. Percebemos que isto gerou otimismo e confiança nos investidores e vimos dezenas de empresas se instalarem, gerando centenas de empregos. Estamos muito satisfeitos com esses resultados preliminares e novas medidas serão tomadas no sentido de favorecer a vinda de novos empreendimentos para Jales.
 
J. .J. - Como tem sido as relações do Poder Executivo com a Câmara Municipal?
Prefeito - As relações têm sido pautadas com o devido respeito, com ética e transparência, procurando manter um diálogo constante. Vimos que apesar de serem iniciantes, em sua maioria, os atuais vereadores têm realizado um excelente trabalho, acompanhando e fiscalizando o trabalho do Executivo.

J. .J. - E com a sociedade civil organizada? 
Prefeito - Sempre tivemos um ótimo relacionamento, tenho um maior respeito e consideração pela sociedade civil organizada de Jales e reconheço a grande contribuição que dão aos diversos segmentos, pois sempre que são chamados, participam ativamente, de forma voluntária e tenho orgulho do envolvimento desses jalesenses, que demonstram tanto comprometimento com o próximo.